Política e Sustentabilidade sob um ângulo crítico
Sábado, 30 de Janeiro de 2010
Termina amanhã

Um dos principais acordos fechados na COP 15 estabeleceu o dia de amanhã como prazo final para os países informarem seus planos de corte de GEE...

CLIQUE AQUI e veja.

 

Pelo visto dificilmente este prazo será cumprido pelos países....E mesmo se fosse, talvez isso não fizesse muita diferença no combate efetivo ao aquecimento global....



publicado por fabiodeboni às 14:55
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 29 de Janeiro de 2010
Queda no ranking ambiental

Informação divulgada nesta 6a feira coloca o Brasil no 62o lugar do ranking ambiental elaborado pelo EUA. A posição anterior brasileira era 34a.

 

Copio e colo a reportagem na íntegra da Folha de SP de hoje, devido a seu acesso restrito.

 

OK que não se deve levar tão a sério este tipo de informação, mas de alguma forma ela serve para chamar atenção para o quanto o Brasil precisa melhor nas questões socioambientais.....Bom, por outro lado, pra nós ambientalistas que podemos contribuir para estas transformações, com trabalho, militância e inovações....

 

Brasil cai de 34º para 62º em ranking ambiental americano

JANAINA LAGE
DE NOVA YORK

O Brasil caiu para o 62º lugar em um índice de performance ambiental elaborado pelas universidades americanas Yale e Columbia. O resultado coloca o Brasil atrás dos EUA, que ocupam o 61º lugar, com bom resultado em indicadores como qualidade de água potável, mas desempenho ruim na emissão de gases-estufa e poluentes.
O indicador é revisado a cada dois anos. Na última edição, o Brasil ocupava o 34º lugar. Ainda assim, os pesquisadores afirmam que, comparado outros gigantes emergentes, o Brasil ainda está bem. Países com crescimento econômico acelerado, como China e Índia, estão muito atrás no ranking, e ocupam respectivamente o 121º e o 123º lugares, pressionados por grandes populações, com problemas administrativos e impactados pela extração de recursos naturais.
Os pesquisadores afirmam que a renda é um dos fatores determinantes do sucesso da política ambiental, mas destacam que há exceções. Eles citam como exemplo o Chile, que ocupa o 16º lugar no ranking, muito à frente da Argentina, que está na 70ª posição.
O primeiro colocado no ranking deste ano foi a Islândia, com bons resultados em saúde ambiental, controle de gases do efeito estufa e reflorestamento. Os últimos colocados são Togo, Angola, Mauritânia, República Centro-Africana e Serra Leoa.
O índice leva em conta informações do Banco Mundial e da ONU, entre outros. Ele reúne dados de 163 países, em 25 indicadores que tratam de temas como saúde ambiental, qualidade do ar, recursos hídricos, biodiversidade, florestas, agricultura e mudanças climáticas.
 

 



publicado por fabiodeboni às 14:14
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 28 de Janeiro de 2010
Especial sobre Código Florestal

O site da Câmara dos Deputados reune diversas informações e estudos legislativos para subsidiar os debates em curso acerca das mudanças no Código Florestal.
CLIQUE AQUI e conheça estas instrumentos.

A primeira audiência pública está agendada para 2 de fevereiro em Goiânia.....

 

Será que vai acontecer mesmo?



publicado por fabiodeboni às 11:06
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 27 de Janeiro de 2010
FSM e a questão ambiental - parte 2

Lula esteve ontem em Porto Alegre no FSM e recebeu críticas dos participantes, especialmente no que diz respeito à agenda ambiental.

CLIQUE AQUI e veja.



publicado por fabiodeboni às 10:42
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 26 de Janeiro de 2010
Pessimismo ou realidade?

Pesquisa realizada em diversos países do mundo e com milhares de pessoas aponta uma boa dose de pessimismo frente à atuação de governos e empresas para salvar o ambiente do aquecimento global.

CLIQUE AQUI e saiba mais.

 

A propósito: seria pessimismo ou pura realidade? O que temos visto de ações concretas (sim!, elas existem!) infelizmente não tem sido suficiente para reverter o quadro atual instalado de transformações globais.....

Mas então, o que fazer? Paralisar não nos levará a soluções....Prosseguir agindo, mas talvez com mais foco e ênfase em segmentos e questões que nos levem a mudanças mais profundas e numa velocidade mais rápida....



publicado por fabiodeboni às 11:17
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 25 de Janeiro de 2010
FSM e a questão ambiental

O Fórum Social Mundial que começa nesta 2a feira em Porto Alegre será marcada pelos debates sobre justiça ambiental, além das suas pautas tradicionais. Interessante perceber que a questão ambiental está na agenda pública de discussões e que todos os segmentos começam a sentir que não é mais possível não incluir o tema nas suas pautas...

CLIQUE AQUI e saiba mais.

Outro ponto de destaque na notícia diz respeito à expressiva participação de jovens no FSM, o que faz com que a agenda ambiental ganha ainda mais destaque.

Quem diria que alguns anos atrás (menos de 10) a questão ambiental era pouco debatida pelos movimentos de juventude no Brasill...Reflexo inegável de políticas públicas federais do governo Lula....



publicado por fabiodeboni às 13:21
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 22 de Janeiro de 2010
Lenha para os céticos

Erros descobertos num dos relatórios do IPCC, divulgado em 2007, reacende a polêmica entre os céticos e ambientalistas.

CLIQUE AQUI e saiba mais.



publicado por fabiodeboni às 14:51
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 21 de Janeiro de 2010
Negociação em partes

Aprendendo a lição da COP 15, a ONU vai retomar as negociações para um novo pacto pós kyoto por partes. Ao invés de reunir representantes de todos os países, fará rodada de reuniões por blocos.

CLIQUE AQUI e veja como.



publicado por fabiodeboni às 14:58
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 20 de Janeiro de 2010
Cresce o mercado verde

Pra quem já sabia, não é novidade que o mercado verde cresce ano a ano. Agora então com a retomada da crise mundial, este mercado crescerá ainda mais.

Uma busca rápida pela web com as palavras "sustentável", "meio ambiente" e afins nos dão uma idéia dos diversos setores que estão se apropriando desta tendência.

Pra citar um exemplo, tem até uma mega feira de equipamentos e soluções para o meio ambiente. CLIQUE AQUI e acesse o site do evento.

Não faço propaganda aqui. Nunca tinha ouvido falar deste evento, mas certamente muitos de nós, educadores ambientais, temos ficado de fora destas iniciativas. Será que há produtos e soluções para a Educação Ambiental? Se sim, será que são de qualidade? Será que estão comprometidas com que tipo de Educação Ambiental?

 

 

* * * * * * * * * * * * *

 

Enquanto isso, chega ao Senado um projeto de lei do Zequinha Sarney alterando artigos da Política Nacional de Meio Ambiente. CLIQUE AQUI e saiba.



publicado por fabiodeboni às 14:28
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 19 de Janeiro de 2010
À procura de desastres

É chocante como a grande mídia vive à procura de desastres e tragédias. Mal 2010 começou e a tragédia de Angra logo virou destaque na mídia. Em seguida foi São Luis do Paraitinga e agora Haiti. Parece que nada mais acontece no Brasil e no mundo e que todos estão interessados no desastre haitiano. Claro que sou solidário a estas infelizes tragédias e acho que elas mereçam a cobertura da mídia, mas de forma tão excessiva e sensacionalista. Parece que a mídia vive em busca de choros e lágrimas - estes são os combustíveis que a grande massa quer assistir e se drogar.

 

Mas o que todos estes desastres têm em comum? São todos catástrofes naturais, mas isso pouco se fala na cobertura midiática. Muitas conexões são possíveis de serem feitas, diversas abordagens e explicações, mas isso pouco importa.

 

Fuçando na web (como sempre) encontrei um site que conta a história do Haiti. CLIQUE AQUI e conheça o labo B que a mídia não nos conta.



publicado por fabiodeboni às 13:57
link do post | comentar | favorito
|

quem sou eu?
pesquisar
 
Novembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
25
26
27
28

29
30


Estatísticas de Acesso
arquivos

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

textos recentes

Repensando a filantropia

Lula e a destruição da me...

Análise política

Sensacionalista

Visão política

Entrevista - Boaventura

Fim do golpe?

A crise e a mídia

Marina

O silêncio de Marina

links
blogs SAPO
subscrever feeds